terça-feira, 13 de setembro de 2011

Queria ser...


Eu queria ser tua canção mais bonita... Pra tocar tua alma. Ser o vento calmo pra guiar-te no teu mar de incertezas. Ser a estrela cadente a iluminar você quando o farol teimar em não mais te guiar. Como eu queria ser a areia de teu mar revolto onde teus passos por instantes ficariam marcados. Como eu queria ser o suave perfume da noite. Acariciar tua alma e espantar os teus medos. Por um instante eu só queria olhar em teu olhar, beijar teus lábios e sentir teu calor mesmo sem nenhuma palavra, pois meus pensamentos são perfumes, que buscam alguém alem de mim. Alguém que alivie os meus queixumes, E que no silêncio das minhas noites frias me Tome em seus braços e me deixe a fim. Meus pensamentos vagueiam querendo refestelar-se com os beijos de alguém que sacie os meus desejos e que desvende meus mais íntimos segredos e que não se perca pelos vãos dos meus dedos. Meu coração quer ser amado. Meu corpo geme feita tempestade cogitando um beijo doce e demorado. Ser Rainha num castelo enluarado tendo alguém, por Rei. Meu coração não almeja mais sofrimento não aguenta mais o frio do cativeiro vivem batendo triste e descompassado. A procura de um amor puro e verdadeiro, Que me faça sorrir ao seu lado.

Nenhum comentário: